conectados

Sabe o que eu acho incrível na internet? A capacidade de proporcionar o encontro com outras pessoas. Outras, sabe, aquelas que você conhece e não frequentam seu meio? Outras que você nunca encontrou, mas que estão por aí, compartilhando das mesmas vivências que você, muitas vezes dos mesmos problemas… Que se empenham para sugerir soluções para os obstáculos que você vem encontrando, dando apoio e exemplo, suscitando reflexão.

Essa troca de ideias proporcionada pela rede me encanta. Esse encontro com outros que não exige muitas condições, apenas estar aberto – e é muito mais fácil estar aberto à distância –, para acontecer…

E, no entanto, existe também o outro lado: às vezes essa troca se limita a um “curtir”, ao apertar de um botão; a uma mensagem que fica sem resposta, ou que se deixa sem resposta; a uma passada de olhar, que com nada se compromete e logo muda de página… Limita-se a um número de caracteres, a um copiar e colar sem critérios, sem questionamento. Limita-se a nadar no raso e nunca aprofundar nada – molhar apenas os pés, sem mergulhar a cabeça. Também não proporciona o contato humano, o olho no olho, o cheek to cheek, o aperto de mãos, o abraço.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s